A NOVA ORDEM PLANETÁRIA



MENSAGEM DE SAINT GERMAIN

” IDE E PREGAI ” !!! Assim disse aos apóstolos do novo amanhecer da Terra, aquele que também foi meu filho, mesmo sendo concebido por Maria, virgem, em Jerusalém.

Hoje ele entrega àquele que teve a honra de gerir os seus passos, ao lado de sua mãe carnal, o bastão da Nova Era da Terra!

E, junto a este meu filho de outrora, que consuma uma etapa gloriosa de alicerçamento do espírito crístico na Terra, estamos comungando uma bem aventurança a nós concedida pelo Deus Pai-Mãe, embora ambos ainda operando initerruptamente, de mãos dadas, nesta circunstância planetária de intenso alvoroço, nas obras de despertamento das criaturas para a sua imprescindível reformulação ético-moral.

Tendo já cumprido o seu papel de governante deste mundo em que vivi como José, “pregar” continua sendo uma intenção deste ser de porte excelso, como também um interesse nosso e recomendado por nós, pois é extremamente urgente alertar aos seres humanos, o quanto possível, sobre as realidades espirituais da suas vidas carnais e sobre os albergues cósmicos que aguardam as multidões.

Estamos em simbiose magnética, Mestre Jesus e este vosso irmão, ao lado de Pórtia e Ashtar Sheran, neste ciclo de libertação, compatível com os desejos da humanidade. Sabedores dos acontecimentos que estão por vir, estabelecemos em conjunto o anelo de trazermos a vós o contributo de uma palavra de ordem pragmática, um posicionamento diante do momento de enfrentamento dos seres à suas novas condições de vida espiritual.

Pórtia esquematiza um extenso material que verse sobre atitudes e comportamentos de seres encarnados, mas libertos de injunções, frutos de ações antigas. Em breve, estará ela também, ancorando novos princípios libertadores de resíduos ideoplásticos arquivados na memória da Terra e dos terráqueos.

Os novos dias da Terra serão cobertos de uma nuvem de expectativas e dúvidas, após inúmeros desfechos de conclamações às almas que estarão regressando.

Muito terá mudado a Terra, quando então, após aterramentos de regiões hoje submersas e extinção de outras, por variados meios de a natureza se manifestar, a partir de agora a 2035, de forma mais acentuada.

Permanecendo assim até meados de 2075, o cotidiano das vidas humanas poupadas, em regiões diversas da Terra, terá sido alterado pelas condições de violação de alguns sistemas mundiais de interação e globalização.

O amanhã é uma ameaça, um fim total, uma esperança ou uma incerteza?

Não sabem os homens muito bem em que medidas anteriores a estes fatos inevitáveis, respaldarem-se, diante de todas as notícias dos reinos invisíveis, sobre os destinos da Terra.

Nem tudo está para ser diluído, meus filhos planetários! Há um amanhã! Haverá o porvir, consumados alguns episódios de reparação planetária.

Que os sonhos ainda embalem almas devotadas ao silêncio da oração e da esperança!

Haverá os que partem e haverá os que fiquem, estes últimos os quais, em grande parte, são aqueles que a sabedoria divina elege para a reconstrução dos paradigmas e ações do novo tempo, sob a nossa égide condutora, nesta era de Aquário, onde a espiritualidade será o objetivo dos próximos milênios, para que se consolide a Era Dourada de novas luzes no planeta.

Socorro rápido ainda é o cotidiano espiritual de imensas caravanas angélicas e de samaritanos crísticos dedicados, cheios de amor aos seres humanos, quando deste plano material vosso são estes colhidos, em inevitávies circunstâncias de desenlace do invólucro carnal.

Hoje estamos em júbilo, antes que em aflição, pois a tempestade prenuncia a nova manhã radiosa deste lar de bênçãos divinas, vossa morada aconchegante, a despeito das eras de dores e equívocos evolutivos.

É porém, previsível a vós, que as aflições rondem a mente humana, quando conscientes da natureza destes derradeiros ciclos de readaptação de vossos espíritos.

Sabedor de que existem temores, revolta e indagações, a intranquilidade de muitos moveu-me a estar mais perto, doravante, nas minhas comunicações convosco, abraçando-vos na vibração do amparo paternal, que é o que fazemos, desde que o vosso planeta existe.

Embora nossos seres igualmente se enterneçam perante os arrebatamentos de vossas almas, quando das irremediáveis formas e mecanismos naturais de elas voltarem aos seus habitats cósmicos, estamos de prontidão, com alegria, junto a um ministério de seres imbuídos da função de transmutação áurica dos seres e seu reabastecimento energético, baseado em modalidades restauradoras venusianas e no poder da convocação das deusas ígneas da chama violeta, no processo de desintegração de vibriões terráqueos.

Há um pavor surdo em muitos corações, aos quais podemos auscultar com nosso sentido apurado sobre as expectativas humanas.

Há um brado de revolta angustiante em muitos peitos contritos, atônitos diante das notícias do espetáculo aterrorizador da derrocada de seus sonhos e ambições, dantes considerados possíveis.

Quando os que, menos espiritualizados, recordam-se de seus projetos de vida, e vendo suas conquistas de anos prestes a serem desarticuladas, em meio as águas ou aos destroços das edificações humanas que tombam, em meio ao pranto dos parentes em desespero, palpita-lhes o coração de forma alarmante.

Acompanhamos respeitosos a inenarrável saga humana da romaria pela conquista de bens efêmeros, mesmo os que trafegam conscientes da fatuidade das suas passagens próximas, a qualquer momento.

Além destes, o véu da ilusão de que há somente esta vida faz- nos olhar em derredor de cada corpo de carne humana e visualizar na tela da nossa visão cosmogônica, a desdita ou o regozijo que aquela alma em particular vai encontrar, quando do abandono de sua vestimenta provisória.

A felicidade será uma eterna busca de todo ser cósmico. Em cada estréia em cada vivência nos planos materiais, a alma busca encontrar logo após a sua volta, o regozijo e a ventura, a recompensa e a paz.

Como preparar mais os seres humanos para administrarem suas vidas, em vista do acelerado turbilhão sugador destes orbes de poder magnético de atração das forças densas da vossa morada planetária, que estão tão próximos, que visam inspirar a névoa escura das auras de milhões de seres conturbados, estar a tão pouco tempo de alijar muitos seres amados vossos para seus planos de redenção?

O futuro da Terra, após as suas mudanças drásticas, não mais admitirá a presença de todos esses que se consagram a levarem suas vidas prejudicando as de seus iguais.

Terão sim exílio necessário, bilhões de almas recalcitrantes, e a essas muito ainda está sendo ofertado, como oportunidade derradeira.

Mas hoje almejamos ditar novos parâmetros de uma era que se inicia, aos que ficarem, após a devassa saneadora, sem mais a
ascendência de líderes cíclicos que arregimentam os batalhões da iniquidade.

A modalidade administrativa, hoje dominante, com a sua vacuidade de empreitadas eficazes que visem o bem da humanidade está a uns poucos passos de ser substituída.

Novas balizas de governo da Terra, baseadas na Cosmoética, no Universalismo e no Ecumenismo vão estabelecer uma NOVA ORDEM PLANETÁRIA para o mundo todo.

O Governo Oculto do Mundo e os seres extrafisicos, oriundos de outros orbes aliados às confederações de vossa galáxia, que zelam pelo momento de parto cíclico do planeta, iremos tomar as rédeas de tudo aquilo que a humanidade terrena tem assistido como operacionalização das pautas de ação governamental.

Ações múltiplas essas que, designadas a inumeráveis seres que tem gerenciado a desdita e o infortúnio, a miséria e a displicência com todos os setores da sociedade humana, como hábito milenar de submeter os seres humanos ao regime de escravidão mental e física, deixarão de pertencer aos seus sistemas de governos arbitrários e ultrajantes da dignidade planetária.

A NOVA ORDEM PLANETÁRIA já está se estabelendo há muitos decênios, conquanto de forma anônima, mas totalmente ascendente sobre a mentalidade humana, apesar dos disparates de toda ordem, permitidos pela lei divina, por estarem os seres humanos engajados ainda nas programações karmáticas.

O nosso governo espiritual, Invisível até então à maior parte da sociedade terráquea, pois que, heterogênea esta e permeada pela lei do karma, facultou-lhe o direito de, com seu livre arbítrio, decidir sobre guerras e posses fictícias de povos sobre povos, fato que mudará de expressão perante a observação humana a partir de agora, com as novas condições evolutivas do planeta e pela migração decisiva de nossos exércitos venusianos para Shamballa.

Para o exercício da autoridade planetária a qual o Divino Diretor do Cosmos me outorgara, desde a investidura deste ser que vos fala, no palco estrelado dos céus deste vosso orbe resgatado, da Faixa Azul Ìndigo e Violeta, atinentes ao grau de Governador Planetário, deitada sobre este peito que vos ama, pelo Cristo Jesus, filho dileto de minh’alma quando em terras de Jerusalém, arrojei-me hoje, da forma explícita como sempre me expressei pelos canais de outras nacionalidades, falar aos corações daqueles que sintonizam-se com este novo esquema de administração da Terra, pela primeira vez, através desta canalizadora, a pedido da nossa Mestra do Amor Universal, respeitada e amada por todos os seres siderais do espaço sem fim, Mestra Nada.

Haveremos, no entanto, que, antes que nos imponhamos definitivamente, aos olhos humanos, como Regente Planetário, nesta fase de regeneração do orbe, reavivar a consciência das almas “Sementes Estelares”, as quais devem estar já adredemente preparadas para serem os canais de nossas prerrogativas cósmicas, tutoras sobre o vosso orbe.

Compreendendo que os mais tradicionais cristãos estejam não predispostos a aceitarem a nossa eleição a este mister de tanta honra e responsabilidade, de antemão afirmo que Jesus Cristo obedece à lei da evolução, igualmente, tendo sido aureolado e consagrado como ser angélico, também regente, nas suas novas estruturas cósmicas de atribuição tutelar sobre a nova órbita solar, ao lado de Mestre Hylion, ser galáctico de insofismável grandeza e gerenciamento de recursos etéricos do Grande Sol Central para a Terra.

Através das diretrizes mais evidenciadas à apreciação dos novos seres da Terra, quando já autorizados pelos conselhos respectivos a cada âmbito de planejamento humano, social e espiritual, a exercerem seus papéis de comandantes da Nova Era Planetária, estaremos em simbiose espiritual estratégica com os seres estelares em corpo físico terráqueo, utilizando- nos principalmente do mecanismo da TRANSMENTAÇÃO, para ditarmos as novas leis humanas, logo que situações de trâmite planetário estejam já resolvidas e reestruturadas as bases da sua nova sociedade.

Aos que não comungam de nossas premissas universais, nossas notas de esclarecimentos ao planeta deverão ser repassadas com o cuidado que cada alma merece, primando os nossos mais esclarecidos irmãos planetários pela paciência e compreensão para com todos aqueles que ainda estejam delineando suas vidas com base nos seus enfoques pertinentes às suas espeíficas visões da verdade universal.

Faço agora, como ser cósmico e mestre responsável pelo vosso orbe, que recebe o cetro de Jesus, a pedido de altas hierarquias intergalácticas, o apelo aos amados seres da Terra, que auxiliem-nos a inaugurar um novo tempo.

Urge tomarmos medidas preventivas de situações inusitadas que desafiam cada dia dos seres humanos.

Aproxima-se uma era nova, uma nova ordem, onde conspiramos todos nós, dos planos universais pelo desempenho feliz e responsável de nossos irmãos cósmicos em vivenciação no planeta Terra.

Há medidas que precisam ser tomadas, e pouco a pouco teremos que pontuar sobre elas.

A sociedade terrena se agita, dada a fragilidade de milhões de almas ainda no descompasso sobre sua preparação para a vida em espírito. Algumas comunidades espiritualistas promovem, por outro lado, alardes incompatíveis com os fatos reais.

O desespero toma conta das noites dos mais aflitos e desprovidos da luz do entendimento, e muitos há que já agasalham a confiança em uma segurança espacial que possam esperar para ali se dirigirem.

Será bem assim a forma como se preocessará a transição planetária?

E antes disso, o que deveis fazer? Onde se refugiará o vosso espírito renitente e despreocupado? Será somente um recolhimento de almas que possibilitará aos amedrontados ou despreparados a ventura de uma vida espiritual digna?

Volverão todas as almas ao estado radiante, de alegria e paz de espírito, nos outros planos de existência, se fordes deflagrados por acontecimentos inesperados nas vossas cidades?

Para quais de vós são as promessas de um novo alento nos outros planos de existência?

Posteriormente a todos as acomodações planetárias, aqueles que souberam administrar bem os seus dotes de amor às suas próprias vidas, às de seus semelhantes e ao planeta, estando na Terra, como deverão agir?

São estas indagações que merecem, de todos os discípulos da verdade cósmica, esclarecimentos substanciais, que é o que milhares já fazem e é o que se tornará também os conteúdos de nossas comunicações, a despeito de muitos assuntos já se tornarem repetitivos, mas não destituídos da necessidade da sua conscientização maciça.

Na NOVA ORDEM PLANETÁRIA, porém, será exigido amorosamente que a humanidade já tenha alicerçadas as plataformas de valores éticos, morais e espirituais, para que em uníssono estejam com a elaboração de novas tecnologias a serviço do homem, novas ciências adentrando rumos de cura física e emocional, novos perspectivas de fertilização dos terrenos áridos de sentimento e ação produtiva em todos os âmbitos humanos e principalmente, que estejam estabelecidas e firmadas todas as áreas de conhecimento humano com respaldo na CIÊNCIA INTEGRAL UNIVERSAL.

Sobretudo, deverá o novo homem, o novo ser planetário, manter a disciplina da “constância” nos propósitos que elevem as criaturas aos patamares de construtores da nova ordem social e implementadores de todo o cabedal de informações que serão trazidas pelas nossas comunicações e pela própria bagagem de seres especiais preparados para semearem a nova Terra.

O “universalismo” de idéias e posturas religiosas serão as bases de um itinerário de solidez administrativa das nações, com fundamentos na realidade cósmica universal e planetária, onde seus estatutos estejam sendo regidos pelo objetivo primordial da vida humana, qual seja o de amar a todas os seres da natureza, todas as almas encarnadas com o fito evolutivo, todas as expressões da matéria divina condensada em forma de mananciais de reinos naturais do planeta, tendo o “respeito” a tudo e a todos como base insubstituível das relações humanas.

Nesta transição de eras, de regentes planetários, de ciclos evolutivos, de separação do joio e do trigo, é mister um empenho resoluto de todas as hierarquias para que não se perca a fé e a convicção de que a Terra não se extinguirá, mas sim será um novo canteiro para as novas sementes serem plantadas.

O ” IDE E PREGAI ” continua sendo uma bússola importante para todos os mensageiros do terceiro milênio, pois as lições crísticas são pérolas preciosas que estruturaram toda a nova construção que faremos como colaborador DIRETOR na evolução deste globo de experiências.

Pregaremos sobre as novas bases da NOVA ORDEM PLANETÁRIA, a fim de que a humanidade terrena seja soerguida das suas jornadas tormentosas e volte a sorrir, na vitória de seu resgate e PURIFICAÇÃO.

Na vibração da minha presença EU SOU,

SAINT GERMAIN


( Mensagem psicografada em 26/junho/2010, por Rosane Amantéa )

http://rosane-avozdoraiorubi.blogspot.com/
©2010 Rosane Amantéa
Esta mensagem pode ser compartilhada desde que os direitos autorais sejam respeitados citando o autor e o link.
http://rosane-avozdoraiorubi.blogspot.com
Obrigado por incluir o link do site do autor quando repassar essa mensagem.

Uma resposta para “A NOVA ORDEM PLANETÁRIA

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s