Meditação do Solstício de 21 de Dezembro 2010

Quinto Passo de um Ciclo de 12
Meditações Globalmente Sincronizadas


Olá!

Convidamos todos a juntar-se ao quinto passo de uma série de meditações globalmente sincronizadas, designadas para marcar as celebrações dos 12 últimos solstícios e equinócios antes de 21 de Dezembro de 2012, um momento crucial da mudança da era que está a ser reconhecido e proclamado por muitos como sendo o ponto central de mudança para uma Idade Dourada para a Humanidade e para toda a Vida na Terra.

Cada um dos 12 passos ascendentes para o auge desse ponto de mudança faz
parte de um acordar gradual e do processo de recordar para reacender em nós
todos a sensação sentida profundamente da nossa Unidade com Tudo o Que É, e
permitir-nos assim caminhar num Caminho Dourado de Luz que nos irá conduzir
diretamente para uma união de consciência com a Fonte da nossa existência. 

O padrão central da totalidade deste processo é a compreensão mais profunda
e aguda do fato de que a nossa verdadeira natureza é de uma alma a viver uma
experiência física e a aprender as lições de uma vida nova. Para facilitar
este reconhecimento de Quem Nós Somos e a integração profunda dentro da
verdadeira matriz do nosso próprio sentido deste fato simples, foi anunciado
em 21 de Dezembro de 2009 que seriam partilhadas doze Chaves durante as
próximas 12 Meditações dos Solstícios e Equinócios para ajudar a avivar a
recordação de Quem Nós Somos.

A quarto chave é oferecida a seguir.

Para iniciar ou para manter este processo reformador de auto-conhecimento,
sugere-se que, primeiro, atinjam um estado de profundo sincronismo com o
aspecto da alma de cada um de vós, fazendo isso segundo um método ou por um
período de tempo que seja mais apropriado para vós. Para alcançar a chave
que vai incendiar o Momento da Recordação ao mesmo tempo que todas as outras
almas que estiverem a participar nesta Meditação globalmente sincronizada,
por favor, assegurem-se que alcançaram esse estádio no momento exato
juntamente com todas as outras almas participantes em todo o mundo.

 

Recomenda-se que, durante a vossa preparação para a meditação, antes de alcançar o ponto máximo, recordem
lentamente as quatro chaves da Recordação dadas anteriormente, reiterando,
deste modo ?
Eu sou Luz Eu sou Amor Eu sou Paz Eu sou Harmonia
imbuindo o vosso ser com o espectro total dos pensamentos formas e dos sentimentos que cada uma destas chaves evoca em vós.
Depois, começando no momento exacto em que a Terra está no pico deste ciclo do solstício, na Terça-Feira,
21 de Dezembro, às 23:38 (UT) (que corresponde a (21:38 em São Paulo,
e 23:38 em Lisboa) exprimam do coração da vossa alma a quinta Chave de
Recordação, que se segue ?

Eu Sou Compaixão

… e repitam mentalmente ou em voz alta, tantas vezes quantas forem necessárias para sentirem que impregnaram a
totalidade do vosso ser com a compreensão e o reconhecimento completo desta Realidade inquestionável.

Para aprofundarem a vossa compreensão sobre alguns aspectos do que é verdadeiramente a Paz, oferecemos a descrição a seguir para ativar esse processo em vós que talvez as palavras não consigam descrever

Sempre que ouço, vejo ou sinto que outra alma está numa situação de necessidade, reconheço
imediatamente essa necessidade como uma oportunidade para deixar a Luz do
Amor fluir através de mim e orientar-me sobre a melhor maneira de ajudar
essa outra expressão do Eu infinitamente facetado que Eu Sou, como Um com
tudo O Que É. Aquilo que afeta o mais pequeno aspecto do que Eu Sou,
afeta-me a mim e, por isso, é completamente natural que eu sinta
instantaneamente uma chamada interior a que deva responder. Não é porque as
outras almas façam parte de uma família humana mais alargada à qual
pertenço. Simplesmente é porque tudo o que existe é uma expressão, exprimida
como um ser vivo ou um objeto inanimado, do que Eu Sou, como parte de Tudo o
Que É. Compreender verdadeiramente essa Realidade Omniversal é o que dá
sensação de Compaixão que experimento sempre que tenho uma relação com
outros aspectos de Quem Eu Sou. Assim sendo, reconheço esta relação inata
que me liga aos meus irmãos e irmãs em forma humana, e com todas as outras
expressões animais, vegetais e minerais de Quem Eu Sou e é a fundação sobre
a qual, e a percepção através da qual, a totalidade da minha vida é
experimentada.



Nota: Se tiver dificuldade em abranger completamente o sentido do que acabou de ler, a lembrança a seguir
pode ser útil para si:

Como certamente sabeis se tentardes entrar num estado de meditação profunda depois de ler o material de um tema
tal como o mencionado acima, a única maneira de realmente alcançar uma sensação de Unidade profunda vibrante, a nível de alma, não é tentar recordar, enquanto meditais, tudo o que lestes no tema sugerido para esta meditação. Ter simplesmente uma ideia geral disso na vossa mente, habitualmente é tudo o que é necessário. Contudo, se desejardes usar a palavra exata para a afirmação sugerida acima, podeis escrevê-la ou imprimi-la num pedaço de papel e lê-la quando estiverdes prontos para fazer isso durante a meditação.

* * * * * * *

Finalmente, quando sentirem que podem voltar à existência normal do seu dia-a-dia, podem concluir esta meditação
através da leitura do afirmação seguinte, em voz alto ou dentro do santuário sagrado da vossa alma
Eu sou uma alma
Uma centelha divina do Infinito
Que deu nascimento a este universo.

Recordo Quem Eu sou
E sirvo o Grande Propósito da Vida
Como Um com o Tudo o Que É.

Vim para aqui com muitas outras
almas
Para ajudar na expansão da Luz
Neste planeta vivo que é a Terra.

Aceito que o Amor
Seja o farol orientador da minha
vida
E que irradie o Seu brilho a cada
momento.

Eu Sou uma alma
E o único propósito da minha
existência
É ser Tudo o Que Eu Sou.

Que assim seja.

… e repetir isto tantas vezes quantas forem necessárias para vos ajudar a recordar e a manter Quem Sois Vós.
* * * * * * *

Esta Meditação do Solstício: Quinto Passo de um Ciclo de 12 Meditações Globalmente Sincronizadas está arquivada
em
Notem, por favor, que várias
traduções estão disponíveis em breve

http://www.earthrainbownetwork.com/FocusArchives/home.html 

Para rever os passos anteriores deste Ciclo de 12 Meditações Globalmente Sincronizadas, clique AQUI

 

Para ver a correspondência da
vossa hora local com a hora exacta deste equinócio outonal (no hemisfério
norte) / equinócio de inverno (hemisfério sul) às 23 hr 38 min 00 Hora
Universal, de 21 de Dezembro de 2010, por favor vá a

http://www.timeanddate.com/worldclock/fixedtime.html?day=21&mon…

É interessante notar que, por grande
coincidência, haverá um eclipse lunar no próximo dia 21 de Dezembro…

Eclipse Lunar Total em 21 de Dezembro de 2010
O último eclipse lunar de 2010 será especialmente visível para os observadores da América do Norte. (?) No
auge do eclipse (08:17 UT) a Lua estará colocada no zénite, para os observadores do sul da Califórnia e Baja México. CLIP – Mais pormenores em http://setiathome.berkeley.edu/forum_thread.php?id=62090

Não apenas isso, mas também haverá Lua Cheia no mesmo dia…

Uma Dança para Duas Luas Cheias

A Lua Cheia irá acontecer no solstício de Inverno (Alban Arthan).
Para aumentar o entusiasmo, a Lua durante o
solstício de Inverno será um eclipse lunar total! Para os que vivem no
hemisfério sul, a Lua Cheia irá acontecer no momento do solstício de Verão
(Alban Hefin). Isso dá origem a possibilidades rituais e deleite
astrológico. Durante a Lua Cheia, o Sol e a Lua estão em oposição um ao
outro, o que nos irá permitir ver a Lua na sua glória completa, quando ela
nascer ao pôr-do-sol. Quando isso coincide com os pontos altos da jornada do
Sol, de certeza que há uma energia extra e uma oportunidade de ligação entre
a Terra e o céu. (?) A Lua está em energia alta no signo de Aries (Carneiro)
e faz companhia a Urano e Jupiter que nos proporcionam visões novas e
alargadas do que podemos ser como indivíduos e como espécie. Estamos numa
época significativa do ano com um convite celeste para imaginar novas formas
e padrões. CLIP

Se não puderem participar nesta
meditação globalmente sincronizada na hora exata, por favor, façam-no em
qualquer outro momento do dia ou desse fim de semana que vos seja mais
favorável, e procedam de acordo com o que foi sugerido acima enquanto
mentalmente se projetam no momento exato em que isso está a acontecer no
Continuum, sabendo que o tempo é uma ilusão do nosso ponto de vista físico,
e que o poder da nossa intenção focada pode facilmente ultrapassar essa
ilusão. 

Se puderem fazer esta meditação e ativarem a recordação na companhia de
outras almas – especialmente num lugar sagrado que evoque sentimentos
profundos de paz como à beira mar ou noutro santuário sagrado – os seus
efeitos serão aumentados em proporção direta ao vortex do Amor, da Luz e da
Paz gerados por essas almas reunidas. Se fizerem isso sozinhos ou com
outros, estejam cientes que muitas outras almas de outras dimensões de
existência estão a partilhar as nossas experiências cada vez que nos
dedicamos a momentos tão sagrados de comunhão com Tudo o Que É.

 


Para descobrir o significado dos
equinócios em todas as culturas do mundo, revejam esta entrada sobre
solstícios em
Wikipedia documentação

Para mais informação sobre os
equinócios e solstícios

http://www.nmm.ac.uk/explore/astronomy-and-time/time-facts/equinoxe…
* * * * * * *

Seguindo o Fio Dourado

Como todos sabemos, sempre que
decidimos embarcar numa nova jornada, o passo mais importante é o primeiro.
Podemos passar dias, semanas ou mesmo meses a planejar o que desejamos
experimentar durante a jornada, e também podemos interrogar-nos se o lugar
que desejamos alcançar será como imaginamos que seja. Ainda assim, apesar de
alguma incerteza que possamos ter, chegará um momento em que temos de tomar
a decisão final e realmente dar o primeiro passo em direção ao nosso
destino. Uma vez que isso seja feito, e para lá de qualquer circunstância
excepcional, é como se estivéssemos a regressar. A jornada da nossa vida
presente aconteceu de um modo muito semelhante ao que foi agora descrito,
com a exceção de não nos recordarmos de a ter planeado, nem recordamos o
momento final precisamente antes da nossa alma consciente seguir, através do
canal do nascimento, para o começo de uma nova vida. E embora tenhamos
alguns indícios de como é o destino que escolhemos, a maior parte das vezes
representamo-lo de ouvido, indo simplesmente através da nossa existência
diária praticamente sem nenhum pensamento sobre como é possível que o nosso
veículo corpóreo possa continuar a respirar e a desempenhar as múltiplas
tarefas requeridas pelos seus 50.000 biliões de células a fim de permanecer
um todo vivo, funcional e consciente de si próprio.

Para a maior parte de nós, há uma opção
de expectativa que permanece em frente, uma possibilidade que, se bem que
envolta em mistério, contém a perspectiva mais fascinante de uma experiência
transformadora de tal magnitude que poucas palavras da linguagem humana
podem descrever adequadamente como é que será uma vez que tenhamos chegado
‘aí’. À medida que chegamos mais perto do nosso destino, e como as nuvens da
incerteza que o ocultam da visão da nossa mente se irão dissipar e,
finalmente, irão partir completamente, seremos capazes de entender
completamente o significado transparente da mudança transdimensional que
estamos quase a fazer. Embora todos estejamos razoavelmente bem preparados
por intermédio de muitas vidas passadas de experiência para esta ascensão
essencial e coletiva para uma dimensão mais alta de experiência, um facto
que nos devia assegurar a nossa capacidade de transcender qualquer obstáculo
restante do nosso caminho, há aí um fator chave que irá fazer uma diferença
crítica de como iremos dominar este desafio magnífico e de dar o salto do
Amor para um reino mais alto de alegria e bênção iluminada ou, em vez disso,
retroceder e ir novamente através de vidas após vidas de aprendizagem
laboriosa até que uma nova janela cósmica de oportunidade se abra ? tal como
a que se está a aproximar rapidamente.

Este fator chave é a nossa mestria
sobre uma das emoções mais debilitantes e capazes de incapacitar, que os
humanos podem experimentar: o medo. Será a nossa última prova de
fogo. E a pergunta certa neste estádio será certamente: “Como é que serei
capaz de vencer o medo a fim de libertar a minha alma da roda do karma e
conduzi-la para um nível superior?” Isto pode parecer um desafio ou um jogo,
e em certo sentido é uma boa analogia, porque fomos nós que elaboramos esta
situação, juntamente com a nossa família e os nossos guias celestes que já
passaram por isto anteriormente. Assim sendo, vamos imaginar por um momento
que sois um artista que caminha sobre um arame, prosseguindo cautelosamente
sobre um fio invisível, muito acima do chão, com parca iluminação e capaz de
ver apenas onde colocar o pé a seguir. Tendes estado a caminhar assim
durante toda a vossa vida, confiando esperançadamente que cada vez que
estendeis um pé, ireis encontrar um apoio firme que vos permitirá manter o
vosso equilíbrio e prosseguir em frente, desconhecendo completamente quando
ainda tendes de andar para alcançar o outro lado e sem possibilidade de
retroceder. Primeiro de tudo, é claro que o fio estava quase ao nível do
chão e muitas pessoas ajudaram-vos ao longo do caminho, ensinando-vos como
caminhar no arame e, gradualmente, dominastes o medo de cair, pois o chão
desapareceu lentamente da vossa vista durante a travessia daquilo que parece
ser um vale profundo entre os cimos de duas montanhas.

Embora isso possa parecer um feito
temível e quase impossível, o fato é que é exatamente assim que
tendes procedido durante toda a vossa vida e, a menos que tenhais
experimentado uma tempestade muito traumática que quase vos arredou do vosso
caminho, o vosso Caminho Dourado da Luz, estais bem conscientes que
podeis continuar a caminhar em frente, mesmo que algum dia possa parecer que
não ireis encontrar a força interior e a resistência indomável necessária
para continuar. Por isso, estais aqui ? A dominar o vosso medo,
acreditando na vossa voz interior, aprendendo a amar a jornada e a ser grato
ao Universo/Fonte Criadora por vos permitir esta experiência estimulante.

Tendes apenas mais alguns passos para dar, alguns desafios perfeitamente
suportáveis a ultrapassar e toda a ajuda necessária das fontes visíveis e
invisíveis para levar isso a cabo. Tudo o que tendes de fazer é
agarrar-vos ao Fio dourado com toda a vossa alma
que vos orientou até
tão longe e vos deu força a cada passo, até que alcancem o destino desta
Jornada épica e maravilhosa.

Que a Luz, o Amor, a Paz, a Harmonia
e a Compaixão Prevaleçam em cada Coração!

* * * * * * *

Se este email lhe foi dirigido e
se desejar receber os próximos passos deste ciclo de 12 meditações
globalmente sincronizadas como também as Meditações Focadas mensais, envie
um email para

globalvisionary@earthrainbownetwork.com
com a
frase “I want to receive the Meditation Focuses in Portuguese” (Quero
receber os Focos Meditação em Português) no campo de assunto do vosso email.
Para informação complementar, por
favor tone a ver o material postado por Global Meditation Focus Group em

http://www.earthrainbownetwork.com/FocusArchives/home.htm
A VOSSA AJUDA NA DIVULGAÇÃO ATRAVÉS
DA NET DURANTE AS PRÓXIMAS SEMANAS SERIA MUITO APRECIADA.

http://www.anjodeluz.net/meditacao/meditacao_dezembro_2010.htm

Uma resposta para “Meditação do Solstício de 21 de Dezembro 2010

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s