ANAEL – 20 de março de 2011 – Autres Dimensions

ANAEL – 20 de março de 2011

Mensagem publicada em 22 de março, pelo site AUTRES DIMENSIONS.

 

Eu sou Anael, Arcanjo.

 

Bem amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, eu não venho hoje fazer-lhes discursos.

 

Eu venho simplesmente tentar responder às suas perguntas, seus questionamentos, concernentes exclusivamente ao que vocês vivem atualmente, uns e outros.

 

Então, eu os escuto.

 

Eu participo também, de maneira ativa, ao que vocês chamam, parece-me, a efusão Vibratória, ao final de minha intervenção retransmissora, com isso, a Energia e a Consciência da totalidade do Conclave Arcangélico se junta a mim para Liberar o Fogo do Coração da humanidade.

 

Previamente, temos algum tempo para interagir.

 

Questão: a sensação de boca seca faz parte do processo de Abertura da boca?

Bem amada, isso corresponde a uma dificuldade para fazer passar, simplesmente, o fluxo de ar inteira e exclusivamente pelo nariz.

 

O ar, passando pela boca, pode então, nessas condições, criar uma drenagem da boca.

Isso se deve ponderar pelo fato de que, atualmente, inúmeros de vocês percebem Vibrações, cercando e enquadrando os lábios, podendo, por vezes, difundir-se por uma hipersalivação, em ressonância ou com o escoamento do que foi chamado o néctar, ou ainda por uma hipersalivação, real e concreta, de suas glândulas salivares.

 

Tudo isso participa inegavelmente das transformações que vocês vivem atualmente.

 

O mais frequente, a secura de boca ocorrendo quando de procedimentos de alinhamento, fazem apenas traduzir uma passagem do ar misturando-se às partículas adamantinas ao nível da boca.

 

O ar, eu os lembro, deve passar de maneira quase exclusiva pelo nariz.

 

Existe um processo operatório que permite encontrar a boa posição do conjunto da faringe e da laringe permitindo ao ar escoar-se exclusivamente pelo nariz, na falta, passar em parte pela boca.

 

Vocês podem se ajudar também da posição da língua, quando ela vem se colocar (ao nível da ponta) ao nível do palato e permite, justamente, evitar a passagem do ar pela boca, ao mesmo tempo mantendo a boca entreaberta.

 

Questão: a que corresponde dores ao nível do cóccix?

Bem amado, desde a realização da passagem da Abertura da boca efetuada pelo Arcanjo Uriel existe, atualmente, um fenômeno de reativação do conjunto das cinco novas frequências Vibratórias ligadas à ativação dos cinco Novos Corpos.

 

Um desses Corpos, ligado ao ponto OD, chamado 8º Corpo ou nascimento do Embrião Crístico, pode dar dores, por vezes extremamente violentas, situando-se exatamente acima do plexo solar, irradiando ao nível do plexo solar ou então lateralmente, sobre o que é chamado o chacra do baço e o chacra do fígado.

Isso corresponde a um processo de passagem.

 

Alguns de vocês vão senti-lo como um peso ao nível do Triângulo posterior da Terra, ao nível da cabeça, podendo manifestar-se por certo número de dores na base da nuca.

 

Isso corresponde ao processo de ativação bem real, manifestando-se naquele momento.

 

Questão: sinto como eletricidade nas pernas durante o protocolo de superação da Dualidade.

 

Bem amada, o protocolo de superação da Dualidade lhes foi dado, comunicado, há algum tempo.

Ele se efetuava com as pernas dobradas.

 

Atualmente, o fluxo de Luz que vem do Núcleo cristalino da Terra tornou-se extremamente intenso, podendo se traduzir, para alguns, por percepções incomuns ao nível das pernas, sejam impaciências, pesos, cãibras ou Vibrações muito intensas de natureza elétrica.

Naquele momento, efetivamente, convém desdobrar as pernas, ao mesmo tempo tentando manter os pés em contato com o solo.

 

Se isso se produz sempre do mesmo modo, então convirá realizar isso na posição deitada.

 

Agora, há também a possibilidade de dirigir esse fluxo elétrico, vindo em geral dos pés ou das faces laterais das pernas, canalizando-o você mesma ao nível do sacrum, permitindo então despertar o Fogo da Lareira inferior.

 

Questão: o que se vive induz a cessar toda atividade?

Bem amado, isso é profundamente diferente para cada alma.

 

Existem seres capazes de tecer o próprio casulo de Luz ao mesmo tempo sendo hiperativos.

Para outros, em contrapartida, isso necessita, efetivamente, uma parada de toda atividade.

 

Mas, aí também, naquele nível, tenham confiança na Inteligência da Luz e no que ela traduz ao nível de sua própria consciência.

 

Vão sempre no sentido da facilidade, no sentido da evidência.

Eu não falo da evidência das convenções sociais ou mentais, mas, bem mais, da evidência do que pede seu corpo.

 

Se, tecendo seu casulo de Luz, você tem a capacidade de agir, a vontade Interior de agir, então faça-o.

Se, em contrapartida, quando de seus espaços de alinhamento, parece-lhe entrar em estados diferentes de consciência, então, aí também, aceite-o.

 

Vão no sentido da facilidade, vão no sentido da evidência, retendo que nada há, ao nível social ou mental, que possa se opor a isso.

 

Recordem-se de que a Luz é Inteligência e de que se ela se manifesta em vocês por estados de catalepsia ou de extração do mundo no qual vocês agem, naquele momento, ela proverá o que é necessário em sua vida.

Isso faz parte do Abandono à Luz.

 

Questão: deve-se continuar a desamarrar o carma?

Bem amada, ocupar-se do carma é aderir ao princípio do carma, de ação/reação.

Isso implica num afastamento total da lei de Ação de Graça.

 

Vocês não podem estar sob a influência da lei de Ação de Graça da Luz e, ao mesmo tempo, considerar e dar sua consciência ao princípio da Dualidade.

 

A ação/reação, apresentada como um princípio espiritual em alguns ensinamentos faz parte integrante da falsificação.

 

A Existência não se importa com seu carma.

Assim, portanto, dar sua consciência e sua atenção a um problema que existiu no passado (o passado situando-se tanto no ontem como nos milênios) afasta-os de sua Unidade.

 

Vocês não podem atingir a Unidade e a Coroa Radiante do Coração interessando-se por um passado, qualquer que seja.

 

A Luz está presente no instante, para além do tempo e unicamente naquele lugar.

 

Vocês não encontrarão jamais a Luz no passado, vocês não liberarão jamais o passado deste modo.

É uma ilusão mantida pela matriz.

 

Questão: a que corresponde a sensação de que o corpo vai «explodir»?

Bem amada, eu responderei que isso é, para você, perfeitamente normal.

Esse corpo está destinado a dissolver-se.

Que ele se dissolva sob a influência da onda Solar, da onda galáctica ou das efusões de Luz atualmente presentes, isso estritamente não faz qualquer diferença.

 

Num caso haverá, literalmente, dissolução, sob a ação da Luz Solar.

Nos outros casos haverá explosão da consciência no interior desse corpo limitado, permitindo a liberação do corpo de Existência.

 

Questão: a que é devida a impressão de que o casulo de Luz explode ao nível do Coração?

Isso, bem amada, é chamado o Fogo do Coração.

O Fogo do Coração corresponde a certo número de percepções indo simplesmente de uma pressão existente entre os pontos IM e IS ou chacras de enraizamento da alma e do Espírito até a percepção de uma Coroa girando na periferia de todo o peito.

 

Nas fases as mais finais, que permitem aceder ao Maha Samadhi, há a percepção de uma explosão nuclear no Interior do peito, traduzindo-se por uma impressão, bem real, de explosão e de Fogo Interior.

 

Alguns podem perceber isso como um medo de morte iminente.

Mas isso não dura, porque o Fogo do Coração permite-lhes penetrar a Existência.

É, aliás, a única porta de acesso à Existência.

 

Questão: obter informações sobre a própria Essência faz intervir o ego ou religa à Unidade?

Bem amada, eu responderei que isso é função de sua própria Vibração.

O que é que Vibra naquele momento e o que é que não Vibra?

 

Se isso se produz num momento de conexão real, Vibratória, traduzindo-se por um Fogo do Coração, qualquer que seja sua importância, então, isso vem, inegavelmente, de sua própria Essência e não do ego.

 

Lembre-se também de que sua Essência Unitária, seu corpo de Existência, é simples e que a informação que é emitida, naquele momento, vai no sentido da simplicidade, da humildade e da facilidade.

 

Questão: por que ouvir uma voz que contradiz o que é vivido durante os protocolos?

Bem amada, isso corresponde, de modo sistemático, a uma abertura do plexo solar, ao nível do ego e da personalidade, traduzindo uma irrupção de forças opostas à Luz, naquele momento.

 

O processo que muitos seres humanos vivem hoje, conectados à Luz, pode se traduzir não unicamente por fenômenos agradáveis, mas também pela eliminação de algumas Sombras.

 

Algumas dessas Sombras estão ligadas ao que eu chamaria um Abandono intermitente à Luz.

Não se trata de buscar uma causa passada, mas, efetivamente, compreender que no instante do que é vivido nos espaços Unitários, há simplesmente que abandonar-se à Luz e nada mais.

 

Obviamente, alguns hábitos ou algumas presenças, o que dá no mesmo, vão tentar insinuar-se pelas falhas existentes na personalidade, nesses momentos de Unidade.

 

Não se esqueça jamais de que a Sombra se nutre de Luz, invertendo-a.

 

Questão: qual é esta forma humana branca que me encobre por trás do corpo?

Há simplesmente, ao nível da percepção visual, bem amado, uma capacidade nova para ver novas bandas de frequências, como lhes foi anunciado por No Eyes, misturando a frequência da Visão do Coração e a visão dos olhos, traduzindo-se por uma percepção, ou uma sobreposição mais exatamente, do que existe na ilusão e na Existência.

 

Isso corresponde a uma sobreposição de uma consciência limitada (procedente desse corpo físico) e de uma consciência ilimitada (procedente do corpo de Existência).

 

A palavra sobreposição é a mais exata.

Não há, propriamente falando, chegada desse corpo de Existência, mas desvendamento do corpo de Existência.

 

Então pode, por vezes, dar a impressão de chegar pelo alto, pela esquerda, pela direita ou por trás.

Trata-se, de fato, da sobreposição do corpo ilusório com o corpo de Existência.

 

Questão: entidades Luminosas podem buscar manifestar sua presença através de uma tela de televisão desligada?


Bem amada, isso foi chamado transcomunicação instrumental.

Isso pode referir-se tanto ao que vocês chamam planos intermediários ou astrais ou, efetivamente, aos planos de Luz.

Aí também, tudo dependerá da Consciência que olha a tela de tevê.

 

Questão: a que corresponde o fato de viajar através do terceiro olho?

Isso corresponde à iniciação Luciferiana, inteiramente.

 

A única viagem da Luz é uma viagem empreendida com o Coração.

 

A Luz que é vista ao nível do terceiro olho participa desse mundo e desta falsificação.

 

Assim, quando da viagem ao nível do terceiro olho, muitas coisas podem se produzir, desde o desfile de rostos (correspondente àqueles que vocês tomaram em suas vidas passadas) até fenômenos coloridos ou também o acesso a mundos ilusórios situados ao nível do alto astral.

Isso corresponde apenas a uma ilusão e a uma iniciação chamada Luciferiana, opondo-se, por princípio e em Verdade, à iniciação do Coração.

 

Questão: a que corresponde os olhos vermelhos ao acordar, com uma sensação de queimadura?

 

Bem amada, isso corresponde a viagens efetuadas, de maneira mais ou menos consciente, na Existência e na Luz, traduzindo-se, para esse corpo e seu retorno, por queimaduras ao nível dos olhos.

 

Do mesmo modo que a Luz vindo golpear, literalmente, hoje, o chacra do Coração e a Coroa Radiante do Coração para aqueles que estão prontos pode traduzir-se por uma queimadura existente ao nível do tórax.

 

Questão: a que corresponde a sensação de Fogo unicamente na parte esquerda do corpo?


Bem amada, a causa pode ser múltipla.

Ou há uma penetração da Luz num lado e não no outro, mas, geralmente, isso traduz simplesmente uma defasagem de campo etéreo ou astral, permitindo então a esta percepção estabelecer-se sob o Fogo do Coração, mas unicamente de maneira lateral.

 

Há, portanto, um desequilíbrio preexistente traduzindo-se, ao nível dos chacras, por uma não superação de um alcance ligado ao que é chamado o segundo chacra.

 

Questão: a que corresponde uma dor breve e intensa entre os pontos Unidade e Precisão?


Bem amada, quando se ativa, em vocês, cada uma das Estrelas, isso pode se traduzir por dores breves e intensas.

 

A ativação de alguns circuitos (que não lhes foram ainda comunicados por Um Amigo e que o serão muito proximamente) corresponde, inteiramente, a diferentes circuitos que alguns de vocês podem perceber.

 

Por exemplo, entre Clareza e Precisão.

Por exemplo, entre IM e IS.

Existem numerosos circuitos, presentes ao nível da cabeça, em ressonância com sua própria ativação de Luz.

 

Assim, os pontos manifestando-se de modo Vibratório ou de modo doloroso, ao nível das Coroas Radiantes da cabeça e das Estrelas, correspondem a um processo de movimento, ao nível cerebral, ao nível do néo-córtex, de funções espirituais ligadas a essas 12 Estrelas ou a algumas dessas 12 Estrelas.

 

Questão: por que ter vontade de partir quando se fez a escolha de ainda não partir?

Bem amada, a Luz vai iluminar (como é o caso, já, desde o mês de dezembro), com uma acuidade não ainda resolvida para alguns, algumas zonas de Sombra.

 

O que se manifesta à sua consciência, no desenrolar de suas vidas, faz apenas traduzir suas próprias zonas de resistências, Interior ou exterior, limitando seu Abandono total à Luz.

 

Assim, alguns de vocês podem provar e sentir o Fogo do Coração e viver, como você o diz, um momento de inferno em sua vida, solicitando, por intermédio da Luz, a ir para ainda mais Luz e ainda mais Abandono.

 

Não há, portanto, culpa a manifestar ou provar.

Há apenas, simplesmente, que abandonar-se, ainda mais, à Luz.

 

Questão: face aos eventos atuais, como manter uma consciência da Unidade?

Bem amado, a questão pressupõe que os eventos atuais afastam-no de sua Unidade.

 

Pode-se dizer, simplesmente, que sua Atenção, colando-se nesses eventos, vai desestabilizar seu estado de Unidade.

 

Alguns de vocês podem interessar-se pelos eventos desse mundo sem serem alterados.

Outros são alterados.

 

Cabe a você, portanto, despolarizar sua consciência desses eventos e recentrar-se, exclusivamente, em sua própria Vibração.

Isso traduz, além disso, uma dificuldade para se desacoplar, inteiramente, da ilusão do mundo.

 

Aquele que vive, inteiramente, o Fogo do Coração e a manifestação de um dos Samadhi, qualquer que seja, não pode mais ser afetado, de modo algum, pelos eventos desse mundo porque ele vive na Unidade e compreendeu que esse mundo é inteiramente ilusão.

 

Para além mesmo da compreensão ele o vive, como elemento de Verdade.

 

Assim, enquanto não há desacoplagem total da ilusão desse mundo é necessário, para você, assim como para alguns, centrar-se, exclusivamente, na Vibração do Coração.

 

Não temos mais perguntas, agradecemos.

 

Bem amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, para além da atenção que vocês portaram em minhas palavras vamos, juntos, agora, como retransmissor do Conclave Arcangélico, acender a Vibração do Fogo do Coração.

 

Vamos, portanto, juntos, efusionar a Vibração.

 

Eu lhes peço, para isso, colocarem sua atenção unicamente na zona torácica, sem nada procurarem fazer.

Simplesmente mantendo sua Atenção, sua consciência, nesta parte de seu corpo e acolher, durante alguns minutos de seu tempo, a efusão do Conclave Arcangélico.

 

Realizemos isso, juntos, agora.

 

Meu Amor os acompanhem.

 

Efusão Vibratória…

 

_____________________

Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo, se deseja divulgá-lo, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

 

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Extraído de: http://anjodeluz.ning.com

Uma resposta para “ANAEL – 20 de março de 2011 – Autres Dimensions

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s